terça-feira, 28 de junho de 2011

Lendo as últimas do jornal da Companhia


Nesta fotografia, os nossos furriéis Gonçalo e Duarte, lêem avidamente o último número, acabadinho de saír, do jornal da Companhia de Caçadores n.º  174.
Trata-se de uma publicação quinzenal, dactilografada, policopiada a stêncil, com diversos temas –opinião, actualidade, recreio, contos, poesia, desporto, etc. – e ainda uma secção do Zóbué, a cargo do pelotão ali destacado.
A publicação teve dezassete números, o que, para a sua natureza e para a posses da Companhia, representou um esforço e um êxito notáveis.
Colaboração não faltava, e os jovens leitores da imagem, eram, também, dois dos principais obreiros do Sentinela das Beiras, assim se chamava o nosso periódico.

1 comentário:

Carlos Costa disse...

1º cabo (Avelino Costa) Escriturário de Braga, deseja contactos (o meu contacto: toc@sapo.pt). Fez parte da companhia de caçadores 174. Aguardo.