segunda-feira, 3 de junho de 2013

50.º aniversário da chegada à Metrópole por fim de comissão

Para celebrar o 50.º aniversário da chegada à Metrópole por fim de comissão na antiga província ultramarina de Moçambique, os rapazes (agora setentões) da Companhia de Caçadores 174, reuniram-se em 01 de Junho de 2013, mais uma vez para evocar os tempos que conviveram durante os mais de vinte e oito meses que mediaram entre a viagem no «Niassa» em 30Jun – 21Jul1961 e a viagem no «Principe Perfeito» em 04Nov – 21Nov1963.
Passado todo este tempo, a chama da amizade e da camaradagem mantém-se, e a Companhia continua bem representada de cada vez que é chamada a formar. Apesar de a idade já pesar muito e de as macacoas já nos terem levado alguns e incapacitado outros mais, ainda perfilaram vinte e sete «cacenhos» da 174, que, com filhos e netos atrás, ainda fizeram uma sala cheia.
O anfitrião deste ano foi o António José dos Santos, que nos juntou no agradável restaurante «Quinta da Bigorna», em Escalos de Baixo, a escassos 12 km de Castelo Branco, a cidade que nos fez encontrar há mais de cinquenta anos, e que nos volta a atrair pelo menos uma vez por ano, para, a volta de uma mesa, nos relembrar momentos diferentes e únicos da nossa mocidade.
Uma palavra de muito apreço para o Santos, que se esmerou em prendar-nos com um local lindo, com um refeição ótima, e com uma simpatia extraordinária, onde não faltou o miminho de uma garrafinha aos camaradas e de uma bela rosa vermelha às esposas.
Ficou falado que este evento será no próximo ano responsabilidade do nosso Gonçalo, que aponta para a segunda quinzena de Junho, para coincidir com a festa das cerejas.
Mais uma vez, a «coisa» promete!



















1 comentário:

Carlos Costa disse...

Boa noite,

Mais uma vez solicito informação sobre como contactar o grupo, ou então, informe-me do vosso próximo encontro, de forma a eu puder estar presente.
O meu nome é Avelino Fernando Monteiro da Costa (toc@sapo.pt) e pertenci a esta companhia.

Abraço,